O Cenfores foi criado pela iniciativa de dezanove agrupamentos de escolas e escolas não agrupadas. Estas escolas e agrupamentos de escolas integraram até ao final do mês de Junho do ano 2008 os Centros de Formação de Associação de Escolas “D. Dinis” e “Cenfores – Loures Norte”. Assim, numa reunião que contou com a presença dos Presidentes de Conselhos Executivos de todos os agrupamentos e escolas não agrupadas, realizada no início de Julho de 2008, propôs-se a constituição do centro que se submeteu à apreciação da Direcção Regional de Educação de Lisboa e Vale do Tejo (DRELVT). Esta Direcção Regional emitiu o despacho de homologação em 27 de Agosto de 2008.

O Centro de Formação está sedeado na Escola Secundária com 3º Ciclo do Ensino Básico José Cardoso Pires, em Santo António dos Cavaleiros. A opção por esta escola deveu-se ao facto da localização central e das infra-estruturas, equipamentos e capacidade disponível para acolher este centro de formação, à semelhança do que aconteceu na última década com um dos centros de formação de associação de escolas: o Cenfores-Loures Norte, que se manteve em funcionamento até à extinção dos CFAE's, determinado pelo Despacho do Gabinete do Secretário de Estado da Educação nº 18039, de 4 de Julho de 2008.

Os dezanove agrupamentos de escolas e escolas não agrupadas do ensino público que se associaram na criação do CENFORES estão distribuídos por uma extensa área geográfica, que abrange as Zonas Norte Rural (Bucelas, Lousa, Fanhões, Santo Antão do Tojal e São Julião do Tojal) e Zona Norte Urbana (Loures, Santo António dos Cavaleiros e Frielas) do concelho de Loures e as freguesias da Ramada, Póvoa de Santo Adrião, Olival Basto, Odivelas, Famões e Caneças, no concelho de Odivelas. Alguns desses dezanove agrupamentos foram fundidos dando origem aos atuais (mega)agrupamentos associados.